Patu se consolida como um dos principais pontos de voo livre do mundo

28 0

 

Este ano o município de Patu ganhou ainda mais visibilidade no cenário turístico não só nacional Mas, mundial, com a quebra dos recordes de voos masculino e feminino.

A rampa do voo livre que fica na Serra de Patu, recebeu pilotos do Brasil e do mundo.

Confira:

– FRANCESES ( Roland Ollier, Nthn Aya, Philippe Moreau, Laurent Sangnier e Dominique Crespel )

– PORTUGUESES ( Eusébio Soares, Carlos Lopes e Eduardo Lagoa)

– NORTE AMERICANOS ( Koen Vancampenhoudt e Chris Banford)

– ALEMÃO Falko

– SUECO
Walt Oliveira e Martin

– AUSTRÍACOS
Cristian e Simos

– BRASILEIROS ( Rafael Saladini, Marcelo Prieto (Ceceu) e Dió. Gabriel Chianelli Seraphim, O Natalense Lucas, a Marcella Uchoa e os patuenses Cristina e Resinaldo Ernesto que também participaram dessa temporada.

RECORDES

MASCULINO

Eduardo Lagoa piloto sintrense percorreu 471,1 km, num voo que durou 8h42m, sem recorrer a qualquer tipo de motorização, superando desta forma o anterior recorde de Koen Vancampenhoudt, que voou 379 km.

A equipe foi formada por Eduardo Lagoa, Eusébio Soares e Carlos Lopes.

FEMININO

Marcella Uchoa bateu o recorde brasileiro feminino. Ela voou 362 km. O recorde era de 326 e pertencia à Kamira.

O prefeito Rivelino Câmara parabeniza todos os pilotos e praticantes do esporte e reafirma o seu compromisso em seguir colaborando para a prática do voo livre em Patu, tanto que já para o primeiro semestre de 2018, obras de ampliação e adequação da rampa serão iniciadas.

 

#PatuTerradoVooLivre
#PatuCidadeTuristica
#PatuCidadeLinda

 

Fotos e informações: Rubinaldo

 

Posts Relacionados

Programação

02/10/2017 – Segunda-Feira: Participação da Secretaria Municipal de Assistência Social na Rádio Educadora Patuense às 11h. 03/10/2017 – Terça-Feira: Visita…