Prefeitura realiza testes rápidos de calazar semanalmente.

182 0

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio dos agentes comunitários de endemias realiza semanalmente um trabalho de prevenção e cuidado com os cães. Os exames são oferecidos gratuitamente e já foram realizados mais de 70 este ano.
Calazar é uma infecção contagiosa, transmitida para cães e humanos por meio da picada do flebotomíneo fêmea, mais conhecido como mosquito-palha. Ele é gerado a partir de decomposição de alimentos, folhas e fezes dos animais.
Apesar da doença não ser transmitida diretamente do cachorro para o ser humano, os cães podem atrair os mosquitos ao ambiente, por isso é importante que os tutores de cães tenham os cuidados redobrados para a proteção, tanto do animal, quanto de toda a família.
Vale ressaltar que o mosquito transmissor da doença tem preferência por locais úmidos, escuros e sujos. Por isso é necessário manter os ambientes limpos em que os animais de estimação costumam ficar, já que o mosquito transmissor voa baixo e costuma ficar distancia de 200 metros próximo ao local que os animais de estimação habitam. Essa é a principal medida de prevenção à transmissão da doença. Também é importante usar, se possível, nos cães, coleira repelente.
A solicitação para realização do teste pode ser feita na sede da Secretaria de Saúde, assim como diretamente aos agentes comunitários de endemias. A partir de então, os agentes vão até a residência fazer o teste rápido. Se o teste for positivo, o profissional colhe uma amostra de sangue para fazer uma analise laboratorial mais aprofundada.
A Secretaria de Saúde alerta para os tutores ficarem atentos ao conjunto de sintomas do calazar permitem que se suspeite da infecção:
• Regiões do corpo sem pelo;
• Feridas na pele, principalmente na face;
• Crescimento anormal das unhas;
• Anorexia;
• Emagrecimento;
• Abdômen aumentado;
• Paralisia dos membros.

Posts Relacionados